Arquivo para tristeza

O ANDARILHO VIII: “HOJE”

Posted in Narrativos with tags , , on 01/11/2009 by Carlos Jorge

Hoje

O ANDARILHO VIII: “HOJE”

Hoje! O dia das mágoas…
o momento das tristezas,
é o dia em que a morte entoas
o momento das incertezas.

Será o agudo som do silêncio eterno?
Será hoje o dia em que serei chamado?
A vida me tratou como um subalterno…
pelos lábios da morte sou aclamado.

Sem sair do lugar, seus passos o levam,
e sem saber aonde vai, ele se pergunta se deve…
E aos poucos o Andarilho vai percebendo.

Estou padecendo lentamente,
não há dor nem sofrimento
estou apagando vagarosamente,
Não exalto e nenhum lamento.

Se quiseres levar-me agora
esteja a vontade para o fazer,
pois não sou eu do dono da hora
Eu não tenho medo de morrer…

A porta abre caminho, e então é atravessada.
Seus olhos abrem para se fechar novamente,
O vento sopra forte para a porta ser fechada…

Carlos Jorge, 1 de novembro de 2009

Anúncios

A PÁGINA NEGRA DA VIDA

Posted in Tristes with tags , , on 26/09/2009 by Carlos Jorge

black_page_of_life

A PÁGINA NEGRA DA VIDA

Faz frio e chove muito…
O som da chuva me faz pensar,
Nas lágrimas que agora ela está a derramar…
Talvez não fosse seu intuito.

Mas graças a ela agora estou magoado,
Ainda me lembro do seu rosto encharcado…
E também de não olhar para trás a cada passo dado.
Sinto que meu coração foi abalado.

Silenciosamente ela grita por mim,
Mas tudo o que penso é o não, e não o sim…
Sei que somos humanos… Por isso erramos.
Mas nós humanos também sangramos…

Posso não derramar uma lágrima agora…
Mas posso sentir que a minha alma chora,
No presente momento meu coração sangra,
Significa que ele ainda te ama.

Carlos Jorge, 26 de setembro de 2009

Sangrando

Posted in Tristes with tags on 07/11/2007 by Carlos Jorge

SANGRANDO

Autor: Carlos Jorge

Por favor, alguém faça a dor parar
Por favor, não agüento mais chorar
Eu estou sangrando e está doendo
Eu estou sangrando por dentro

Por ti eu me feri, estou a sangrar
Agora estou aqui, estou a lastimar
Eu me feri gravemente por te amar
O meu coração sangra sem parar

Eu não consigo te esquecer
Sem você eu vou perecer
Meu coração escolheu te amar
Preciso de você para me salvar

Mas porque você me machucou?
O meu amor você desprezou…
O meu coração se despedaçou…
Dei-lhe meu coração e você nem ligou.

4 de novembro de 2007