Arquivo para setembro, 2008

Soneto do Sonho

Posted in Sonetos on 17/09/2008 by Carlos Jorge

SONETO DO SONHO
Autor:
Carlos Jorge

À noite eu me deito…
E então fecho os olhos,
No escuro eu vejo você…
Embalando meu sono,

Iluminando meu sonho.
Será mesmo um sonho?
Estais ao meu lado no escuro?
Parece ser tão real…

Mesmo dormindo,
Mesmo sonhando,
Mesmo acordando…

Sinto seu perfume,
E penso comigo…
“Foi sonho ou foi real?”

17 de setembro de 2008

Agulhas

Posted in Tristes on 07/09/2008 by Carlos Jorge

AGULHAS
Autor:
Carlos Jorge

Por quê?
Eu tento aproximar-me…
Mas as agulhas…
Rasga-me,
Fere-me,
Dói muito…
E eu tenho que recuar…
Por quê?
Não há saída?
Não há solução?
Mexer em chagas abertas…
Agulhas, pontiagudas…
Perfuram meu coração…
Não… Não vou dizer “Não”.
POR QUÊ?
Eu até posso senti-las…
Entrando… Perfurando…
São frias… Mórbidas.
Por quê?
Eu não sei…

7 de Setembro de 2008

Determinação ou Ambição?

Posted in Reflexão on 05/09/2008 by Carlos Jorge

DETERMINAÇÃO OU AMBIÇÃO?
AUTOR:
Carlos Jorge

Tão implexo,

Mas eu contesto…

Não é uma coisa simples.

Tudo que eu quero,

É ser completo…

É pedir demais?

É querer demais?

Quero muito,

Gosto muito,

Sentir o amor…

Sentir manar,

Pelas veias…

Tenho medo, é fato.

Mas a coragem é maior…

Posso ser fraco,

Mas meu anseio é maior…

Não importa o quão longe esteja,

Eu alcançarei…

5 de Setembro de 2008