O Dom

O DOM

Autor: Carlos Jorge

Segure-me, não me deixe cair

Tenho medo que você me deixe

Feche a porta, não ouse sair

Tenho um dom, não é blefe

Ajude-me, não sou feliz

Tenho medo do que pensam

Eu me fechei, foi o que fiz

Tenho um dom, eles não acreditam

Abrace-me, fique comigo

Não me abandone como eles

Eu não quero inimigos

Meu dom é para você e eles

Deite-me, estou cansado,

Suponho que você também

Eu não quero ser um fardo

Vai, não contarei a ninguém

Devo isso a você,

Pois eu tenho um dom

Entregue a mim por você

Esse dom… cuidarei com amor.

11 de dezembro de 2007

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: